A doença oncológica no fórum da História: breve síntese sobre a evolução da luta anticancerosa em Portugal

Rui Manuel Pinto Costa

Resumo


Introdução – A doença oncológica tem sido assunto de abordagem historiográfica particularmente abundante no contexto internacional. No caso português só recentemente começaram a surgir os primeiros trabalhos em redor desta ampla temática. Objetivos – Revolvendo em torno da emergência e estruturação da luta anticancerosa no âmbito internacional, pretende-se apresentar uma breve síntese sobre a evolução deste fenómeno em Portugal na primeira metade do século XX. Metodologia – Análise documental. Qualitativa e heurística. Resultados/Discussão/Considerações finais – A luta contra a doença oncológica em Portugal não destoou do contexto médico-científico e do movimento internacional anticanceroso da primeira metade do século XX. No entanto, a emergência e a institucionalização do projeto anticanceroso nacional apresentou algumas particularidades. Inserido entre uma especialidade médica em processo de afirmação e as necessidades assistenciais dos cancerosos, resultou da conjugação de uma série de fatores que ultrapassam a mera assimilação de novas tecnologias médicas ou da criação de um espaço próprio para a prática da oncologia. Tornou-se também num meio para realizar um trabalho intenso de educação para a saúde, num instrumento de ponta na formação médica especializada e numa referência de modernidade científica no contexto do Estado Novo.

Palavras-chave


cancro, História, Portugal, século XX.

Texto Completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.25758/set.864

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c) 2015 Saúde & Tecnologia



ISSN: 1646-9704. Publicação anotada na ERC. NIPC 508519713

ESTeSL (IPL). Av. D. João II, lote 4.69.04. 1990-096 Lisboa